sexta-feira, 17 de maio de 2013

Retrospectiva tecnológica e familiar



Chegando ao final de uma semana de muita reflexão virtual e real, chego a seguinte conclusão: a tecnologia vem somando em nossas vidas e quando a usamos adequadamente, ela é próspera(adoro esse nome).
Falando em família, essa é de grande importância para cada um. Sei que os laços sanguíneos dizem tudo e que na hora do sufoco é com ela que podemos contar. Salvo as exceções, pois muitos tem em grandes amigos os verdadeiros irmãos, pai e mãe. Eu mesma tenho uns "chegados" que fazem as vezes de irmãos. Minha sogra era uma mãezinha que podia contar muito com ela(falecida).
A minha mãe é linda, sem papas na língua e compreende muito bem seus cinco filhos, nós é que não a entendemos, mas eu já estou no caminho desse entendimento e cada dia mais me aproximo dela, dando meu apoio e meu carinho.
Meu pai é ímpar. Temos uma grande afinidade. 

Fala o que pensa e o que não pensa. Fez muitas por essa vida, mas hoje é pacato e se resume num lar, lá no interior junto com a minha mãe, onde vão levando suas vidinhas.
Meus irmãos, "são gente fina", mas sou chegada mesmo ao segundo, que realmente me entende, me orienta, me aconselha com todo o jeito que somente ele tem.
E aqui em casa com marido e filhos é uma relação de harmonia, fidelidade, compreensão, carinho e amor.

E finalizando, meus amigos virtuais e reais são pessoas especiais, que trocamos nossas opiniões sempre com muito respeito.
Sou fãzona de alguns em particular. São aqueles que pensam como eu, falam o que eu preciso ouvir, demonstram seu carinho de forma sutil e direta.

E eu não sou aquela pessoa melosinha, pelo contrário, sou mais reservada, mas nem por isso sou uma pessoa fria. Pelo contrário, adoro estar junto dessas pessoas, mesmo que virtualmente, sentindo o aconchego.

Assim, deixo aqui meu carinho e agradecimento a todos por fazerem parte desse meu mundo, seja ele real ou virtual.


Para os amigos


Imagens retiradas do Google


Bom final de semana

Xeros


Essa semana Norma do Blog Pensando em Família, fez muita gente pensar e escrever sobre a família e o impacto tecnológico e eu fiquei com esse tema na cabeça a semana inteira.

32 comentários:

  1. Lindo te ler ,abrindo o coração! Tão legal ter ao nosso lado pessoas queridas e mesmo que sejam diferentes de nós, fazem bem! E no virtual, a afinidade existe!isso é bom! beijos,lindo fds!chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É Chica e você é uma dessas pessoas do mundo virtual que tenho muito carinho.
      Xeros

      Excluir
  2. que texto lindo, querida!!
    Cada vez me convenço amis que família é mesmo tudo na vida. A familia que a gente ganha e a que a gente escolhe... :-)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente Inaie.
      Estou pensando em montar uma família virtual aqui, pois tenho afinidade com muitos, assim como você.
      Acho que essa família é constituída em 4 gerações, pois é muito grande.
      Xeros

      Excluir
  3. Em todo relacionamento há de existir a amizade como o verdadeiro elo de ligação de qualquer relacionamento. Gostei muito deste seu post.
    Bom fim de semana. Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Querida amiga

    No final de tudo,
    o que importa
    é a alegria
    que colhemos
    e plantamos
    nos corações que amamos,
    sejam eles
    reais ou virtuais.

    Tudo é possível
    quando se tem um sonho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aluisio, você sempre com comentários grandiosos.
      Obrigada
      Xeros

      Excluir
  5. Ana!


    Sou amiga 100% real, apesar de virtual!

    Ainda bem que existe a tecnologia, assim posso falar e tambem ver com maior frequencia minha mãe que mora muito longe de mim.

    Tambem, foi por este caminho que reencontrei amigos de infancia e de faculdades.

    BEIJOS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também Sissym, reencontrei amigos de infância.
      Uma delícia
      Xeros

      Excluir
  6. .



    Tudo o que eu faço é por
    ela pois sem ela nem o
    universo seria tão grande.

    Saiba mais, no meu blog,
    hoje.

    Tô te seguindo.

    Beijos,

    silvioafonso









    .

    ResponderExcluir
  7. Olá filhota
    Adorei sua postagem, mas gostei mesmo foi: sem papa na lingua... kkkkkkkkkkkk
    Beijos
    Maria Luiza (Lulú)

    ResponderExcluir
  8. OI amiga, apesar do virtual a considero minha amiga pois esta sempre no meu cantinho deixando um oi. Adorei a sua postagem ,temos que reconhecer que a família é importantíssima e que a tecnológia nos dias de hoje é uma realidade que devemos saber usar.O joguinho de raciocínio dos sapos é muito bom tente mais vezes que vc cosegue. um abraço e um ótimo domingo.

    ResponderExcluir
  9. Oi Ana Karla
    Adorei suas palavras, muito lindas e sinceras.
    É impressionante como as pessoas do mundo virtual acabam se tornando especiais para nós, é como se já fossem nossas amigas há muitos anos, passamos a conhecê-las, sentimos falta delas, muito bacana esta relação.
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É Célia, e você é especial pra mim a muito.
      Xeros

      Excluir
  10. Karlinha, amoreco

    Vc é uma linda mesmo...Esse post retrata exatamente o que acho de vc. Sua família me parece bem legal, claro que com todos os defeitos que qualquer uma tem.

    Bom final de semana e bjos no seu coraçãozinho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Sheyla, família é família, na alegria, na tristeza e nos defeitos(risos)
      Xeros

      Excluir
  11. Lindo post, simples, bem colocado e muito verdadeiro! Voltarei mais vezes, com certeza! Um bom fim de semana!

    ResponderExcluir
  12. Olá Aninha,
    Linda semana para tih flor!
    XerOOo

    ResponderExcluir
  13. Belo texto Ana!!!
    Sua transparência flui em tudo que você escreve!
    E viva a família com seus encontros e desencontros, seja ela virtual ou real.

    Um lindo domingo e uma semana abençoada!
    Xerocas

    ResponderExcluir
  14. Foi bem apropriado este arremate que vc trouxe, Ana.O assunto está na pauta e cabe a nós debatermos com atenção e razão sobre o tema avaliando-o com consistência.
    Sinto como vc a boa aproximação acontecida na blogosfera e curto demais.
    Obrigada pelas mensagens carinhosas.
    Boa semana.Bjos,
    Calu

    ResponderExcluir
  15. É, Ana...
    A gente se afeiçoa a alguns e outros ficam só como conhecidos.
    Temos afinidades com uns e outros a gente apenas convive.
    Escolhas que fazemos, e é bom fazê-las, porque temos o livre arbítrios pra isso.
    Que bom que tem o que precisa sempre!

    Beijos e xeros!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Clarinha, na medida do possível.
      Essas escolhas as vezes pesam um pouco, pois vem o medo de errar.
      Xeros

      Excluir