sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Rótulo infantil

Imagem daqui


O rótulo infantil é o que há de pior para bloquear a inteligência de cada criança. Seja positivo ou negativo.
Todos sabem que quando depreciamos as atitudes e a forma de ser de cada um, é um incentivo para desestimulação.
Coisas do tipo, "você é burro", "você não aprende", entre outras.
Mas o que muita gente não sabe, é que elogio demais também prejudica.
Isso mesmo, quando você elogia demais uma criança, ela tende a ficar limitada naquilo em que é bom e fica com "medo" de encarar novos desafios. 
Ora, se eu já sou excelente no que faço, por que irei fazer outra coisa?
Aí está o problema.
Se a criança concluiu um trabalho e foi muito bem, merece elogio sim, e deve-se incentivar os novos desafios, os novos trabalhos, assim ela desenvolverá tudo o que é capaz.

A criança adora ouvir apenas elogios, pois é bom para seu ego, mas não para o desenvolvimento de sua inteligência.
Costumo dizer que todas as crianças são inteligentes e são capazes de realizarem qualquer coisa, mas cada uma no seu tempo, sem comparações.

Um texto que li há muito tempo e vi novamente na página de um amigo:

Gabriel é um menino esperto.
Cresceu ouvindo isso.

Andou, leu e escreveu cedo.

Vai bem nos esportes.

É popular na escola e as provas confirmam, numericamente e por escrito, sua capacidade.

“Esse menino é inteligente demais”, repetem orgulhosos os pais, parentes e professores. “Tudo é fácil pra esse malandrinho”.

Porém, ao contrário do que poderíamos esperar, essa consciência da própria inteligência não tem ajudado muito o Gabriel nas lições de casa.

– “Ah, eu não sou bom para soletrar, vou fazer o próximo exercício”.

Rapidamente Gabriel está aprendendo a dividir o mundo em coisas em que ele é bom, e coisas em que ele não é bom.

A estratégia (esperta, obviamente) é a base do comportamento humano: buscar prazer e evitar a dor. 
No caso, evitar e desmerecer as tarefas em que não é um sucesso e colocar toda a energia naquelas que já domina com facilidade.

Mas, como infelizmente a lição de casa precisa ser feita por inteiro, inclusive a soletração, de repente a auto-estima do pequeno Gabriel faz um… crack.

Acreditar cegamente na sua inteligência à prova de balas, provocou um efeito colateral inesperado: uma desconfiança de suas reais habilidades.

Inconscientemente ele se assusta com a possibilidade de ser uma fraude, e para protegê-lo dessa conclusão precipitada, 
seu cérebro cria uma medida evasiva de emergência: coloca o rótulo dourado no colo, subestima a importância do esforço e superestima a necessidade de ajuda dos pais.

A imagem do “Gabriel que faz tudo com facilidade” , a do “Gabriel inteligente” (misturada com carinho), precisa ser protegida de qualquer maneira.

Gabriel não está sozinho. São muitos os prodígios, vítimas de suas próprias habilidades de infância e dos bem intencionados e sinceros elogios dos adultos.

Nos últimos 10 anos foram publicados diversos estudos sobre os efeitos de elogios em crianças.

Um teste, realizado nos Estados Unidos com mais de 400 crianças da quinta série 
(Carol S. Dweck / Ph.D. Social and Developmental Psychology / Mindset: The New Psychology of Success), 
desafiava meninos e meninas a fazer um quebra-cabeças, relativamente fácil.

Quando acabavam, alguns eram elogiados pela sua inteligência (“você foi bem esperto, hein!) 
e outros, pelo seu esforço (“puxa, você se empenhou pra valer hein!”).

Em uma segunda rodada, mais difícil, os alunos podiam escolher entre um novo desafio semelhante ou diferente.

A maioria dos que foram elogiados como “inteligentes” escolheu o desafio semelhante.

A maioria dos que foram elogiados como “esforçados” escolheu o desafio diferente.

Influenciados por apenas UMA frase.

Se você tem um filho, um sobrinho, ou um amigo pequeno, não diga que ele é inteligente. 
Diga que ele é esforçado, aventureiro, descobridor, fuçador, persistente.

Celebre o sucesso, mas não esqueça de comemorar também o fracasso seguido de nova tentativa.

Fonte: http://www.updateordie.com/2012/04/17/o-que-acontece-quando-voce-fica-elogiando-a-inteligencia-de-uma-crianca/

terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

50 Tons de Cinza

Tudo cinza.
Tem, tem sim mentes doentes causadas por traumas ou não, que sentem prazer com o sadomasoquismo , porém eu acho que pior é quem se sujeita a ser dominada(o).
Contra?
Não, nada, nadinha.
Mas não é normal.
Não sou especialista, mas acho que tem solução.


Imagem retirada do Google


Mas vamos falar do filme.
Muita repercussão. 
Achei que teria mais, muito mais.
Mas para assistir na intensão de um filme picante que trata desse assunto, está bom.

Os atores são belos e competentes.
Fazer cenas de sexo daquele jeito com mil câmeras em cima, não deve ser fácil.

E aí vale a pena assistir?
Depende da intenção.


Agora quero opiniões.
Quero ver se meu ponto de vista muda ou me acrescenta em algo que não captei no filme.

O que você acha?

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Quarta feira grata II



A partir das prévias
Do sobe e desce
de fantasia
de orquestra
de frevo
de troças
de blocos
de maracatu
de samba
de todos os ritmos
até de *Sofrência. 
Dos bonecos gigantes.
De encontros
de desencontros.
De cerveja
de caipirosca
de água.
(Editado em 2015)

E esse ano foi de superações e realizações.
Eu consegui superar o pavor da multidão.
Realizei tocando num bloco, o bloco Samba Soul Delas.

Um bloco formado por mulheres, que saiu com muita alegria e carisma nas ladeiras de Olinda.
Lindo de ver e de dançar.








Sem falar que o Homem da Meia-Noite me encantou.
Show!



E de tantas e tantas mais...


A quarta feira é grata.

Grata por mais um carnaval de harmonia e paz.
Até 2016!

Alguns links que falam do Carnaval e destaca o Samba Soul Delas:
Carnaval G1
Melhores momentos Diário de Pernambuco
Globo News
Página do Facebook do Samba Soul Delas


* Sofrência , uma música que pegou por aí do cantor Pablo.

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

Quanto ganha um professor?

Esse é um poema em quadrinhos retratando o constrangimento de quanto ganha um professor.
Bem interessante.



Para ver e ler melhor, clique AQUI.



Taylor Mali (1965-) é um norte-americano que participa de competições de poesia e fez parte de quatro equipes vencedoras no National Poetry Slam. Quanto Ganha o Professor é seu poema mais conhecido e surgiu a partir de uma conversa que ele realmente teve num jantar. Você assiste Mali interpretando o poema neste vídeo e mais do seu trabalho em seu canal no YouTube. O poema também virou título de um livro escrito por Mali: What Teachers Make – In Praise of the Greatest Job in the World. Mali trabalhou como professor de inglês, história e matemática durante nove anos e continua sendo defensor de professores em todo o mundo.

Para saber mais do autor e do Lápis Zen, clique aqui.

Bom dia!



sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Voltei



Olá!

Demorei nessas férias?

Até que sim, mas o suficiente para comparecer firme e forte aqui na blogosfera.
Primeiramente quero desejar um ano novo de grandes prosperidades e felicidades, porém o mais importante é a nossa saúde.

Acho que estou virando uma mulherzinha.
Ããã?

Eu quero dizer que o tempo está me consumindo e mais ainda por ser mulher.
Mulher que dá conta de casa, de filhos, marido, trabalho e estudos.

E lógico, o lazer, por que ninguém é de ferro.

E por falar em lazer, arrumei um há seis meses que é maravilhoso. Um lazer que vai realizar um dos meus inúmeros sonhos. Tocar nas ladeiras de Olinda no carnaval.
Isso mesmo, faço parte de um bloco chamado Samba Soul Dellas. E aproveito para convidar a todos que estiverem por aqui na semana do carnaval para conhecer e brincar nesse bloco.

É só chegar no sábado e/ou na segunda feira de carnaval no Mosteiro de São Bento as 10:30 e curtir. Sairemos pelas ladeiras brilhando e espalhando alegria.

Vamos?

Farei um outro post apresentando melhor o bloco.

Enquanto não chega o grande dia, vou trabalhando aqui por que a educação não pode parar.

E vamos em frente!!!

Xeros

domingo, 16 de novembro de 2014

Libertação

Aqui, mais uma participação minha no BookCrossing Blogueiro, sendo essa a 9ª edição promovido pela blogueira Luma do Luz de Luma, yes party!

É sempre uma grande emoção escolher e libertar um livro. Dá uma sensação de alegria, prosperidade, desapego.
Saber que alguém encontrará esse e imaginar que fará um bom proveito, ou passar adiante, sei lá.



Editado em 17/11/2014 às 09:38
Eu libertei esse livro em uma mureta baixa no Alto da Sé em Olinda.
De longe fiquei observando com minha família a pessoa que acharia esse livro.
Passaram algumas pessoas, olharam e nada.
Até que uma jovem viu, pegou o livro, leu o meu bilhete e saiu pulando para junto de sua turma super feliz em ter encontrado o livro. E nós de cá registramos e também ficamos eufóricos com essa moça.
Como não acho adequado, não vou publicar as fotos, mas foi sensacional.
Amei!
De todas as vezes que eu participei, essa foi a melhor.
Cada ano uma nova emoção.


Ainda estou separando outros títulos a serem doados, incluindo livros infantis que já não servem mais para meus filhos, mas será útil para outros.
Penso em fazer um bazar no meu espaço pedagógico promovendo a doação e/ou a troca entre meus alunos e amigos. Assim todos poderão escolher a vontade.
Tão logo aconteça, trarei o resultado aqui.

Por enquanto fico aqui com a minha participação no 9º BookCrossing Blogueiro.

terça-feira, 4 de novembro de 2014

9ª edição do BookCrossing Blogueiro




Vai começar a 9ª edição do BookCrossing Blogueiro.
Acontecerá de 08 a 16 de Novembro de 2014.


Você aprende a libertar um livro e dá oportunidade de outras pessoas viajarem no mundo da leitura tanto quanto você.

O barato disso tudo, além de libertar um livro, é ver a atitude de quem o "acha".

É sem igual.

Já participei de outras edições e vou entrar nessa novamente.


Aqui algumas da edições anteriores que participei:
3ª edição, 4ª edição, 5ª edição, 6ª edição, 7ª edição, 8ª edição

A chamada completa no blog Luz de Luma, yes party!

Participe!

quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Aqui estou

Não, não abandonei meu blog, não saí de férias.
Nem sou o tipo que não estou por aqui por causa do corre corre ou porque estou sem tempo.
Na verdade nem eu sei, mas sei que amo esse espaço e as pessoas que por aqui passeiam são do meu coração. 

Na medida do possível estou retornando e visitando todos.
Nessas eleições eu trabalhei muito em prol do que acredito e respeitei cada um que tinha opinião contrária a minha. 
Claro!
Se vivemos numa democracia, é assim que tem que ser.
Mas vamos deixar a política de lado que já rendeu muito e houveram muitos desentendimentos e aqui nessa Misturação não há espaço para desentendimentos.

Estou envolvida em mais uma pós graduação e adianto que tem sido maravilhoso aprender mais da minha área.

Vem chegando o final do ano e meu trabalho acelera mais ainda. Nossa equipe se desdobra para alçar o mais alto voo.

Vamos em frente que temos muito a fazer ainda.



Xeros


quarta-feira, 24 de setembro de 2014

De bebê a rapaz


Clique na imagem para ver melhor

Uma data pra lá de especial para uma mãe que agradece por ser mãe.

Li por aí esses dias:

"Filho é um ser que nos emprestaram para um curso intensivo de como amar alguém além de nós mesmos, de como mudar nossos piores defeitos para darmos os melhores exemplos e de aprendermos a ter coragem."
(Não conheço a autoria. Se alguém souber favor avisar-me, que darei os devidos créditos)


Feliz Aniversário meu filho!

quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Alfabetização





O dia mundial da alfabetização foi 08 de setembro.
Legal ter um dia para comemorar a alfabetização, mas na verdade alfabetizar é muito mais que ensinar a ler e escrever. 
É um ato de amor.
Quem realmente ensina com prazer, sabe do que estou falando.
Ver o ser aprendendo, balbuciando as primeiras leituras, escrevendo. 

É pura emoção.
Não sou professora de sala de aula, meu trabalho é mostrar aos meus alunos o quanto que eles são capazes de fazerem muito.

Sem concorrências e com paciência a gente conclui nosso objetivo. 
Mas sem amor, sem carinho, fica mais difícil.
A pouco alfabetizei uma criança de 8 anos que já deveria saber ler e escrever. 
E na escola, foram logo dizendo para a mãe que ele repetiria o ano. 
Vê que absurdo! 
Então isso me deu mais força ainda para trabalhar com essa criança e com muito esforço e ajuda da família, conseguimos. 
Ele lê, escreve, faz continhas de matemática. 
Agora temos outro caminho, que é acompanhar a turma até o final do ano.
Vou em frente porque ele é um aluno que quer, e trabalhar com quem tem interesse é muito mais fácil.

Parabéns para a alfabetização e que todos que alfabetizam, façam sempre seu trabalho com amor e carinho.

A imagem desse post foi retirada do Google

segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Ser diferente

Pra começar a semana refletindo nas diferenças positivas.

Ser igual é fácil,
é só olhar e copiar!
Ser diferente é difícil,
É se olhar e se expressar!

Se somos todos iguais,

o mundo fica mais pobre.
Se somos todos diferentes,

o mundo fica mais nobre!

Ser igual é perder a diferença,
e não marcar presença!
(Bartolomeu Campos de Queirós)

Imagem retirada do Google


Boa semana de muita paz e luz!

sexta-feira, 22 de agosto de 2014

Interação Festiva




Essa semana é de muita festa e muitas comemorações.
E esses 5 anos de blog do ESPIRITUAL-IDADE, eu não passaria em branco de jeito nenhummmm.

A dona desse blog é especialíssima e tem um carinho e atenção para com seus amigos que é sem igual.
Rosélia, muito obrigada pelo convite.
Parabéns e prosperidades sempre para o blog.


O tema da blogagem Interação Festiva é: Delicadezas de Deus

As delicadezas de Deus estão por toda parte, principalmente na natureza.
A cada momento, a natureza está falando e nos dizendo algo especial.
A natureza me enche os olhos com suas belezas, até mesmo o cenário mais bucólico tem suas palavras.
O som da natureza é sem igual. As ondas vão e vem, as árvores remexem, os animais cantam.
O aroma da natureza é suave e delicado nas plantas, os sargaços  rústicos.

E quando sinto na pele aquela brisa, tenho certeza que estou me comunicando com a natureza.
Tudo isso e muito mais são as delicadezas de Deus.









Algumas das imagens desse post foram retiradas do Google e outras do meu acervo de Maracaípe/PE

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Festa sim!



Família é o bem mais precioso que temos.
Mesmo quando há algum desentendimento, a família continua sendo o nosso suporte, o nosso alicerce.

Há quem diga que família é uma praga.
Que família mesmo são as pessoas de "fora".
Bem, não importa. O que importa, é que todos tenham uma família e possam chamá-la de "família".

Conforme acredito, minha família tinha mesmo que ser essa e mais do que tudo, eu os amo.

Imagem retirada do Google

Esse post é para comemorar e prestigiar Norma do blog Pensando em Família que comemorou seus 5 anos de blog, nos presenteando com reflexões e orientações sempre.
Meus sinceros parabéns para essa grande terapeuta.

quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Naked Cake

Naked Cake, o que é?
Nada mais do que um bolo pelado.
Uma tendência que chegou ao Brasil e já "pegou".

Ao ler minha amiga Lúcia do blog Sem Medida, me inspirei e peguei o gancho para falar desse bolo pelado, que eu nem sabia que tinha esse nome, mas é sensacional.
Acho que esse formato de bolos recheados tem um ar rústico e deixa aparente as camadas dos recheios leves e frutas, ou não. Assim dá mais vontade de comer.
Li por aí que o naked cake é americano e veio para o Brasil após a febre dos cupcakes.
O naked cake, normalmente não tem coberturas, e os recheios são leves e finos, abusando das frutas secas e naturais. Sem esquecer das flores comestíveis.
Outra coisa que é bem legal, não precisa ter grandes habilidades para fazer um desses, pois ao meu ver, quanto mais aparente, mais atraente.
Eu nem sabia que tinha essa nova moda aqui no Brasil e nem que tinha esse nome (soube agora lendo a Lúcia) e adianto que comi naked cake no mês passado. kkkkkkkkk

Esse aqui ó, que foi do aniversário da minha mãe:

Deixo aqui um link que pesquisei, cheio de "Naked Cake":


Outras imagens que captei no Google:









Abaixo deixo o link com uma receita de naked cake de chocolate. 
E essa receita só pode ser muito boa, pois é de uma pessoa que tenho total confiança: Gina do NacoZinha, aproveita para ver outras delícias que tem por lá.



Então, o que acharam?


segunda-feira, 28 de julho de 2014

FIG 2014



Este post é pra falar da grandiosidade cultural que temos(nós pernambucanos) e acho que é pouco aproveitado.
O Festival de Inverno de Garanhuns, ao longo de 24 anos vem crescendo culturalmente e trazendo cada vez mais, grandes atrações musicais, teatro, dança, cinema, circo, poesias, artesanato, diversas oficinas, entre tantos outros.
Mais uma vez pude mergulhar nesse mundo cultural de cabeça e apreciar um pouco de cada. 
Tudo isso distribuído em palcos e pólos por toda cidade.

O melhor de tudo: de graça.

Por onde andei:

Teatro infantil - Bichos do Brasil de Pia Fraus(SP) e 
O tempo Perguntou ao Tempo do Grupo Acaso (PE)
Cinema - Getúlio, As aventuras de Peabody e Sherman
Espaço do Artesanato no Euclides Dourado
Casa Galeria Galpão
Espaço de Mamulengo no Euclides Dourado
Praça da Palavra na Souto Filho
Palco da Cultura popular no Colunato
Palco Pop
Palco Forró
Palco Mestre Dominguinhos(só de passagem, estava sempre muito cheio)

E claro, o meu preferido, Palco Instrumental que fechou o Festival com a banda Escalandrum da Argentina, que tem como baterista o neto de Astor Piazzolla e que encerraram com o mais puro tango argentino, Adios Nonino.

Quem não conhece esse Festival fica a dica, pois vale a pena viver esses 10 dias de pura cultura.
Não se limite apenas no Palco Mestre Dominguinhos, pois o festival é muito, mais muito mais que apenas a praça.

2015 tem mais. 
Até lá!



quarta-feira, 9 de julho de 2014

Situação

Ponto.
Essa situação de lamentação, de tragédia, de tristeza não pode tomar conta de uma nação, pois não aconteceu nenhuma tragédia, pois se isso tivesse acontecido de verdade, nós estaríamos verdadeiramente machucados.
Espero que o meu Brasil nunca passe por uma verdadeira tragédia.
Esporte é sinônimo de alegria e todos devem estar preparados para também perder, ainda mais quando não há uma verdadeira preparação. 
Sem falar que no futebol, "rolam" milhões e milhões de dinheiro.
Ah, faça-me um favor.
Vibrei, curti, brinquei, mas não deu, não deu.
Agora é bola pra frente e não desanimar, pois daqui quatro anos tem mais.
Um xero grande pro meu BRASIL do coração!



quarta-feira, 4 de junho de 2014

Amigo secreto ambiental



Olá!
Trago aqui uma ideia maravilhosa, que o nosso meio ambiente agradece.
Amigo secreto ambiental.
Isso mesmo!

Semana passada meu caçula chegou em casa dizendo que precisava comprar uma muda de planta para levar pra escola, para fazerem lá na turma dele, um amigo secreto ambiental.




Cada um confecciona seu jarro reciclável, plantam a mudinha e fazem a troca.
Legal, não é mesmo?

Então, ele pegou uma garrafa pet, cortou ao meio, passou base de tinta, escolheu as cores das tintas e com uma esponja deu seu toque.


A muda de planta que ele escolheu foi de morango. Achei uma graça, pois a criançada normalmente gosta, mas a primeira opção dele foi uma muda de pimenta.

Com essa ideia, vou propor no final do ano para todos que gostam de participar de amigo secreto.


E viva a natureza!



quarta-feira, 21 de maio de 2014

Essência de ser



Esse post foi inspirado nas lembranças que tenho das pessoas e dei o sinônimo de essência de ser.
Você já se perguntou ou percebeu qual a sua essência?
Todos gostam de serem lembrados e se as lembranças forem boas, melhor ainda.
As boas lembranças sempre são as melhores.
Normalmente, quando lembro de alguém, e isso acontece com frequência, estou apreciando uma obra de arte, ou contemplando a natureza, ou assistindo um filme, ou lendo um livro, ou um programa na TV, ou um show, uma música, um aroma, um café, uma bebida, enfim. Acreditem ou não, sempre me lembro de alguém. E ultimamente, virtualmente quando vejo ou leio algum post, encaminho com carinho para a pessoa que lembrei.
Por isso que chamo da essência de ser. Ser lembrado por vários aspectos de SER.
Mas acreditem , há quem goste de ser lembrado por coisas ruins, como ser agressivo, ser mal educado, ser barraqueiro, ser deselegante, ser chato, ser estúpido, entre outros desse tipo. Desses eu também lembro, mas prefiro não encaminhar minhas lembranças.
E você, que essência tem?

quinta-feira, 15 de maio de 2014

Desprezo


Desprezo, nada mais é do que a falta de consideração por alguém ou por algo. 
É a "superioridade" por parte de quem despreza.
Pode ser bom, pode ser ruim.
Bom para quem quer mesmo desprezar algo ou alguém que não presta.
Ruim por parte de quem sente esse desprezo, principalmente se for do bem.
Ser desprezado é uma forma terrível de sofrimento, principalmente vindo de alguém que a gente ama, considera, tem carinho.
O desprezo verbal é triste, mas aquele desprezo que não precisa de palavras, esse é o que mais machuca.
Sentimos um desamor imediato por essa pessoa.
Pior, é você ser desprezado e não saber porquê.
Outra coisa, não se tem desprezo por alguém desconhecido, normalmente é por alguém mais íntimo, das amizades, da família.

Portanto, quem me despreza, me esnoba, diga pelo menos o motivo para que eu possa mudar em relação a pessoa.

Esse texto aqui não é um desabafo, apenas uma reflexão a partir das várias situações que tenho visto.
Mas vamos que vamos, que a vida segue e não quero desprezar, nem ser desprezada. 


Deixo aqui algumas frases sobre desprezo que achei no Google. 
Gostei de todas, mas não sei a veracidade de algumas.

A indiferença é a maneira mais polida de desprezar alguém.
Mario Quintana (Concordo)

Falta-nos o amor-próprio suficiente para nos não importarmos com o desprezo dos outros.
Luc de Clapiers Vauvenargues (Achei essa perfeita)

O silêncio é a mais perfeita expressão do desprezo.
George Bernard Shaw ( Essa é real)

As próprias mulheres, no fundo de toda a sua vaidade pessoal, têm sempre um desprezo impessoal - pela mulher.
Friedrich Nietzsche ( Como sempre, Nietzsche)

É preciso administrar o desprezo com extrema parcimônia, pois o número de necessitados é muito grande.
François Chateaubriand (E como tem)

Despreza tudo, mas de modo que o desprezar não te incomode. Não te julgues superior ao desprezares. A arte do desprezo nobre está nisso.

Fernando Pessoa (Grande Pessoa)

terça-feira, 6 de maio de 2014

Introdução da educação


Se a educação sozinha não pode transformar a sociedade, 
tampouco sem ela a sociedade muda.
(Paulo Freire)



Como anda a nossa educação?

Educação doméstica saiu e deixou lembranças. Vez ou outra aparece alguém pra fazer uma visitinha.
Ensino escolar, perdeu-se no caminho, ou melhor, foi ultrapassado.
Educação está virando raridade.
Como é que na era da informática, da internet o ensino entra na "marcha lenta"?
O método tradicional já foi.
Devemos ensinar nossas crianças a usar com inteligência as ferramentas tecnológicas que tanto as hipnotizam.
A sabedoria é grande, mas parada não serve pra nada.



Educação engloba os processos de ensinar e aprender. 
É um fenômeno observado em qualquer sociedade e nos grupos constitutivos destas, responsável pela sua manutenção e perpetuação a partir da transposição, às gerações que se seguem, dos modos culturais de ser, estar e agir necessários à convivência e ao ajustamento de um membro no seu grupo ou sociedade.(Wikipédia)

Eu tenho muito pra falar sobre educação, mas seriam vários posts, pois é um assunto complexo e polêmico também.
Aqui expus apenas o que sinto nesse momento, após ler alguns artigos sobre a educação em que me envergonho por esses profissionais que nem sequer sabem escrever o básico.


Eu erro, todos erram.