quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Escravos de Jó

Quem aqui não conhece a brincadeira "Escravos de Jó"?
Desde que me entendo de menina que brinco e gosto muito. Mas qual a origem dessa brincadeira?
Andei fazendo umas pesquisas:


De acordo com o Wikipédia, Escravos de Jó é uma cantiga de roda de origem e letra controversos.

No blog Cultura Nordestina diz assim:


Jó é um personagem bíblico do antigo testamento que possuía uma grande paciência. Dai a expressão "Paciência de Jó". Segundo a Bíblia, Deus apostou com o Diabo que Jó, mesmo perdendo as coisas mais preciosas que possuía (filhos e fortuna) não perderia a fé.

Nada indica que Jó tinha escravos e muito menos que jogavam o tal caxangá. Acredita-se que a cultura negra tenha se apropriado da figura para simbolizar o homem rico da cantiga de roda. Os guerreiros que faziam o zigue zigue zá, seriam os escravos fugitivos que corriam em ziguezague para despistar o capitão-do-mato.

O mais difícil de entender é o que seria o caxangá. Segundo o dicionário Tupi-Guarani-Português, a palavra vem de caá-çangá, que significa "mata extensa". Para o Dicionário do Folclore Brasileiro, é um adereço muito usado pela mulheres do estado de Alagoas. A verdade é que a cantiga vem sofrendo e ainda sofre modificações em seus versos de estado para estado. Afinal de contas, o correto seria deixarmos o Zambelê ou o Zé Pereira ficar?



Bom, eu vou continuar sem saber a verdadeira origem de "Escravos de Jó", mas a música e a brincadeira vão me acompanhando por essa vida.

Essa é a versão que conheço bem:


Escravos de Jó, jogavam caxangá
Escravos de Jó jogavam caxangá.
Tira, bota, deixa o Zambelê ficar...
Guerreiros com guerreiros fazem zigue zigue zá
Guerreiros com guerreiros fazem zigue zigue zá.






XEROS!

EDITANDO: Tina do Meu Blog e Eu, pesquisou um pouco mais e leu lá no blog da minha querida Luma do Luz de Luma, yes party!
Vamos lá dá uma olhada/lida?!!!

29 comentários:

  1. Agora viajei Ana nesta musica de minha infancia.Bela curiosidade,quisera contruibuir,mas ja enveredei por Jó e só vi a sapiencia e fidelidade dele ser exaltada e nada da famosa paciencia.Então vamos cantar uai.
    Um carinhoso abraço amiga.

    ResponderExcluir
  2. Karlinha

    Muito legal!! Me trouxe de volta à infância. Adorei saber sobre mais sobre a cantiga...
    Ela é eterna e especial, mesmo sem entender seu significado rsrs
    bjokas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então Sheyliha, relembrar é bom demais.
      Hoje canto muito com meus filhotes.

      Excluir
  3. Linda lembrança e como era legal, mesmo sem saber a origem...Lindo!!beijos,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso aí Chica, com origem ou não, continuo gostando.

      Excluir
  4. Adoro essas curiosidades e explicações nossas de cada dia \o/
    Pesquisei tb e olha o que ue achei:
    http://luzdeluma.blogspot.com.br/2006/09/ns-j-ouvimos-falar-da-pacincia-de-j-e.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também Tina.
      Já olhei o link de Luma e já editei o post.
      Obrigada pela colaboração.
      Xeros

      Excluir
  5. Muito legal, né? Adorava essas brincadeiras... Mas por aqui parece que ficou para trás. Nunca vi as crianças que vieram depois de mim aqui na rua brincarem de roda, cantigas, etc. :(
    Beijoca...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Legal demais Meri.
      As crianças de hoje em dia, poucas sabem o que é isso.

      Excluir
  6. Essa música sempre me traz lembranças maravilhosas!
    bjs
    Jussara

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lembranças de infância com essa música são mesmo inesquecíveis.

      Excluir
  7. Oi Ana Karla!
    Mesmo sem saber a origem é um marco de minha infância em que mesmo tão tímida gostava de brincar e também a conheço pela versão que você falou. Como era bom brincar de roda, era tudo revestido de tanta inocência!Pena ter se perdido no tempo.
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Era muito boa essa brincadeira e tento repassar sempre para as crianças

      Excluir
  8. legal karla a recordação... eu uso esta brincadeira em dinamicas de grupo, para trabalhar a questão do tempo de cada um, mostrar que embora estejamos tao pertos, temos tempos diferentes e que uma equipe pode levar tempo para ganhar sinconia... muito boa, gostei abraços lamarque

    ResponderExcluir
  9. menina tô me vendo cantando no jardim da casa de vovó rss
    beijo!!!

    ResponderExcluir
  10. Essa música é uma delícia!
    Trouxe-me doces e lindas recordações.
    Amo te ler amiga!
    Abraços! Boa noite e bons sonhos.

    ResponderExcluir
  11. Brinquei muiiito tb e não sabia da origem. Valeu a partilha!
    Beijuuss n.a.

    ResponderExcluir
  12. Oi Karlinha, saudades de vc!
    Como eu brinquei disso, nossa
    hj em dia as crianças não brincam mais de roda, q pena
    bjs e ótima sexta
    www.viviass.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vivi, bom demais ver você aqui.
      Bom final de semana pra você também.

      Excluir
  13. Uma bela blogada amiga ,com a musiquinha de todos nós!!!Meus filhos+netos+noras e netos já acbaram com maços de fóforos fzd a brincadeira com aquela fé...kkkkkk
    Bjs carinhosos!!!

    ResponderExcluir
  14. Ana Karla, obrigada por ter acrescentado o link ao seu post. Gosto muito de História & Cultura. Gosto de saber sobre nossas raízes e você deve ter percebido como nos sistemas de pesquisas pela internet, não é somente o caxangá que é controverso, as respostas às pesquisas são bastante controversas (rs*)
    Boa semana!! Beijus,

    ResponderExcluir