quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Acompanhamento escolar



O que exatamente é o acompanhamento escolar?
-Nada mais, do que orientar, verificar e dar importância as atividades escolares do aluno.

Mas como faço isso?
-Simples. Diariamente observando seu material e atividades a serem realizadas, valorizando e incentivando cada uma das tarefas. Assim o aluno se interessa diariamente por realizar suas obrigações escolares.

Estudar diariamente é o melhor crescimento escolar por parte do aluno, para isso basta que ele tenha o hábito de fazê-lo, tornando assim o aprendizado prazeroso, em etapas, sem se sufocar em vésperas de provas.

Dicas para os pais ou responsáveis:

- Definir um horário para iniciar as atividades diariamente.
-Um ambiente favorável longe de conversas e tv ligada.
-Demonstrar interesse e elogiar as tarefas realizadas.
-Não pressionar por notas nem prometer nenhum "presentinho" por notas altas. 
- Participar das reuniões escolares. Lá teremos sempre boas orientações.
-Ajudar em trabalhos, pesquisas, orientando e dando sugestões, mas a mão na massa, é do aluno.


A melhor forma de o aluno se sair bem nas atividades, na escola e em casa, são através dos estímulos e esses podem ser dados pela família. Com paciência e dedicação o resultado é certo.


Então, não deixem que o final do ano se transforme numa tortura para pais e filhos, vamos acompanhar diariamente nossos filhos.

Seja como for, acompanhar é fundamental.

26 comentários:

  1. Realmente, ter um ambiente em silêncio é o melhor, pena que nem sempre conseguimos proporcionar isso.

    Aqui em casa, o horário mais tranquilo é depois das 17:30 (eu já acho tarde para uma criança de 6 anos estudar...), e no quarto dela não dá pq divide o quarto com o irmão.

    Por enquanto está estudando no horário do silêncio (rs), mas estou pensando em alternativas para alterar isso! ;)

    Adorei teu post! E tb acredito na importância do acompanhamento dos pais, já escrevi sobre isso no blog (Aqui - http://espelhodesi.blogspot.com.br/search/label/estudos)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Trícia, quando os pais não podem acompanhar, essa tarefa tem que ser feita por alguém, mas dando autonomia e independência ao aluno.

      Acho muito importante também, ter um ambiente não tão silencioso para estudar, pois assim a criança se acostuma a se concentrar em qualquer lugar. É só hábito.

      Vou conferir o seu post.

      Xeros

      Excluir
  2. quando era criança sempre tive vontade, mas faltou oportunidade... q peninha, perdi kkkkkk
    bjs
    Vivi

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos adiante, Viviane, com certeza houve outro aprendizado.
      Xeros

      Excluir
  3. Olá! Temos texto novo...

    http://anabelanacasadavovo.blogspot.com.br/2013/09/maneco-chapeleiro.html

    ResponderExcluir
  4. Aqui, sou meio maluca e assim que Neno chega da escola, vamos pra agenda. Escrevo em papeis e grudo num quadro metálico todas as tarefas marcadas para os próximos dias e ali, controlo. Ele faz tudo sozinho, mas sempre tenho o controle das datas, assim nada fica esquecido! beijos,tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso aí, Chica, organização e não perder de vista o quem pela frente.
      Neno é sortudo com essa boa orientação.
      Xeros

      Excluir
  5. Oi Ana Karla
    Nesse ponto eu estou com minha consciência tranquila, durante toda a vida escolar das minhas filhas, até concluírem o ensino médio, eu sempre fui muito presente e participante; deixei um pouco de lado na época da faculdade, mas aí elas já eram bem donas do seus narizes.
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Excelente, Célia, o importante é acompanhar, seja como for.
      Tenho feito um bom trabalho com os filhos e alunos, mas confesso que as vezes o caminho individual de cada um é difícil, mas a gente chega lá.
      Xeros

      Excluir
  6. A Luisa nem precisa de tanto controle assim, mas faço esse acompanhamento sempre desde o primeiro dia de escolinha. Sempre pergunto das novidades, o que ela fez, o que ela gostou... sempre de olho na agenda e questionando a professora em caso de dúvidas. Acho importantíssimo esse acompanhamento para o bem estar dos filhos e uma maneira de incentivá-los a manter tudo em dia. bjo
    Raquel
    www.eudonadecasa.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso aí, Raquel, de olho na agenda e deixando a Luisa ser independente.
      Vamos incentivando.
      Xeros

      Excluir
  7. Olá, querida Karla
    Já passei da fase com filhotes e os netinhos dão trabalho pras mãe mas sei o quanto custa, mesmo eles sendo responsáveis, fazê-los cumprir tudinho sem deixar nada esquecido...
    Sobretudo nos colégios particulares, as tarefas são intensas... Temos que dar duro neles... rs...
    Bjm de paz e bem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ro, fazer os alunos seguirem suas atividades a risca, não é tarefa muito fácil, mas o dia a dia ensina.
      Xerossss

      Excluir
  8. Excelente Ana
    resumiu direitinho nossa tarefa de acompanhar os meninos em idade escolar. Ufa!
    E a Chica arrasou com suas dicas.
    bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Lili, a tarefa diária você sabe como é.
      Vamos que vamos. he he he
      Xeros

      Excluir
  9. Olá, Ana Karla!!

    Uma pena que nem todos os pais se dão conta da importância do acompanhamento escolar. Estou sempre presente e consciente.
    E vejo os resultados! Bons!rs
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Querida Ana Karla, legal mesmo vc ter aparecido e por isso feliz fiquei! Como professora eu sempre exigia dos pais e sempre acompanhei minhas filhas que muito pouco precisaram, mas meu filho, muito exigiu.Ele foi diagnosticado hiperativo e naquela época se desconhecia esse problema. Sofri muito. Cuidei da minha neta, filha dele desde o prezinho, mas foi uma beleza. Agora ela tem 15 anos e não me dá trabalho. Nem preciso de a acompanhá-la! Beijão!

    ResponderExcluir
  11. Ana Karla, é muito importante, sim, o acompanhamento escolar em casa. Todos os cuidados que vc citou são importantes.
    Sempre acompanhei a vida escolar dos meus filhos, passo a passo.
    Agora minha filha mais velha está começando. Um menino de 6 anos, já no 1º ano escolar e gêmeos de 4 anos, no 1º período, já com "Para Casa". Nem imagino o "terror" do horário das lições! tadinha dela! Mas com calma tudo se ajeita.
    Beijo, linda.

    ResponderExcluir

  12. Olá Ana Karla,

    Dicas e considerações muito importantes.
    Pais zelosos não se descuidam deste acompanhamento, que evita surpresas desagradáveis e estresses desnecessários.

    Ótimo final de semana.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  13. Todas essas dicas, Aninha, se seguidas fazem "A" diferença. Mesmo com uma agenda lotada, acompanhei meus dois filhotes até quando percebi que já tinham criado o hábito de estudar e fazer suas obrigações sozinhos. Posso assegurar que foi um sucesso. Adorei sua visita!
    Beijuuss

    ResponderExcluir
  14. Excelente post. Concordo que é importantíssimo esse acompanhamento. Aqui acompanhamos sempre.
    beijinhos

    www.aprendendoasermaehoje.com

    ResponderExcluir
  15. Querida amiga

    Quando a alma tem fome de beleza,
    chegar aqui,
    sentir as palavras e o seu perfume,
    é encontrar o doce alimento da
    alegria...
    Alimento que me renova as energias,
    quando muito já silenciou pelos caminhos...

    A amizade é o alimento da esperança.

    ResponderExcluir
  16. Ana,

    Foi otimo ler sua postagem, me fez lembrar de procurar uma nova orientadora para minha filha ! Boas dicas.

    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Oi, Ana Karla!!
    O mais importante é a criança sentir que o que ela faz é valioso para os pais. Ela se sente inserida e tem que ser elogiada para ter estímulos. A minha mãe era uma professora durona, mas sabe aquele ditado: "Casa de ferreiro, espeto de pau'? Ela nunca sentou para me explicar qualquer lição ou se olhava os meus cadernos, não lembro. Mas eu sabia que para ela, era importante que eu fosse bem nos estudos e por isso sempre levei os estudos à sério e também gostava de estudar. Meu filho é igualzinho a mim, ainda bem! E sempre estudou em uma escola que não enviava tarefas para casa.
    Li o comentário da TRicia sobre faltar lugar para estudar em casa. Quem sabe a mesa da cozinha enquanto a mãe ali está. Sabe que quando estimulamos um sentido, outros sentidos também são estimulados? O Tema de abertura do Sítio do Pica-Pau Amarelo foi inspirado nos momentos que Gilberto Gil passava na cozinha fazendo a lição de casa enquanto sua mãe cozinhava. Se a cozinha é a alma da casa, porque não também o cérebro?
    :)
    Beijus,

    ResponderExcluir
  18. Ana, acompanhamento escolar é fundamental, infelizmente, nem sempre isso é visto com importância por alguns pais.

    Beijos

    ResponderExcluir