domingo, 24 de junho de 2012

Tempo - São João - Rei



É claro que eu, como uma boa nordestina, pernambucana, não  poderia deixar de falar mais um ano do nosso São João aqui. Estou no quarto ano do blog e como é de praxe falo dessa festa junina que para muitos não é novidade, mas há ainda quem não conheça.









Das comidinhas de milho, a quadrilha, a vestimenta, o forró pé de serra e baião do nosso querido Rei Luiz Gonzaga que completaria 100 anos em Agosto. Aqui nesses sites, Rei do Baião e Luiz Lua Gonzaga tem um pouco da sua história e sua biografia, para quem quiser conhecer mais desse grande ícone da música brasileira. Deixo aqui a minha homenagem.






E conta a lenda de São João que ele era primo de Jesus e nasceu poucos meses antes, em Junho. Suas mães, Isabel e Maria quando grávidas, combinaram em acender uma fogueira para avisar uma a outra a chegada de seus filhos. Assim nasceu São João e sua mãe logo acendeu a fogueira para avisar a Maria. Por isso que temos as festas juninas.
Viva São João!






E vamosimbora que pra semana tem São Pedro!


Amigos que por aqui passam, com essa postagem, aviso-lhes que estarei afastada aqui do blog, por estar com tempo escasso e precisando organizar as ideias aqui dentro.
Adoro escrever para meu blog, elaborar postagens, mas há momentos em que precisamos de um tempo para organizar a vida e/ou priorizar esse tempo para um outro foco mais necessitado.
Agradeço desde já o carinho de todos que sempre passam por aqui e não se esqueçam de mim, pois é apenas temporariamente.


Xeros

50 comentários:

  1. Karlinha,
    Linda nossa cultura, amo São João e tudo que envolve essa festa tão linda!
    Espero que o tempo seja proveitoso para que volte com força total.

    bjokassss e uma boa semana,
    Sheyla.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Será Sheylinha, estou precisando me organizar.
      Obrigada
      Xeros

      Excluir
  2. A festa de são João é a mais alegre. Não suma por muito tempo seu blog é muito bom. abraço e tenha uma ótima semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Pequi, obrigada.
      Estarei lendo as postagens conforme o tempo.

      Excluir
  3. Viva São João!!!! meu carinho , meu abraço amigo
    beijs

    ResponderExcluir
  4. Tenho acompanhado na TV algumas das festas do nordeste. Maravilha!
    Estamos no aguardo do seu retorno.
    bjs

    ResponderExcluir
  5. Quando eu for embora vou sentir muitas saudades dessa festa linda que é o São João do Nordeste....mais pelo menos quando eu ver pela tv eu vou poder falar: eu já vi pessoalmente esse São João e já comi todas essas delícias!!!

    bjuss querida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então amiga, estás com mais esse conhecimento do Nordeste.
      Valeu

      Excluir
  6. Ainda tem S.Pedro mesmo!!Lindo!! E que consigas te organizar, trabalhar pra depois ,quando der, voltar!! beijos,tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Chica, preciso tirar umas férias de tudo.
      Vamos que vamos.
      Volto logo

      Excluir
  7. Em pernambuco sim, tem festa junina" nossa! abraços

    ResponderExcluir
  8. Ana, tudo é de encher os olhos, os quitutes e a alegria estampada no rosto nessa época tão boa!
    Boas festas!

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Néia não somente enche os olhos, como a barriguinha. he he he

      Excluir
  9. Oi, Ana karla! Eu acho que o Nordeste é que tem mantido mais firme esta tradição. Por aqui, o negócio misturou-se com funk, axé e outra músicas que nada tem a ver com o São João. As festas a que fui ultimamente estão decepcionantes nesse aspecto (exceto pelas comidas, hummm!!!). Abraços, boas andanças e breve retorno. Paz e bem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa Cacá, essa mistura aí, não dá não. kkkk
      Obrigada

      Excluir
  10. Me acabei na festa de São João por aqui karlinha, bão demais, milho, festa, vinho quente, delícia de tradição, Viva São João! bjos

    ResponderExcluir
  11. Linda postagem!... Este período de festas é encantador.
    Tenha uma bela semana.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Minha querida!
    Que linda e deliciosa postagem!
    Amo as festas juninas, nessa época tudo parece meio mágico.
    Sentirei falta de ti, mas estarei esperando-a
    pois tornastes especial para mim.
    Abraços amiga! Dias abençoados e alegres
    pra ti.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Imac assim me emociono.
      Obrigada sempre pelo carinho.

      Excluir
  13. Oi Ana Karla!
    Quanta coisa boa, menina!
    Esta nossa região é muito rica mesmo, não tem igual. E que venha S. Pedro!
    Aproveite o seu tempo e viva, Tudo de bom! Claro que não esqueceremos!
    Beijinhos e uma linda semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E vamos que vamos com São Pedro!
      Aproveite também Valéria.

      Excluir
  14. Oi Ana Karla
    Também gosto muito destas festas juninas, das comidas típicas principalmente, quanta coisa deliciosa.
    Aguardaremos seu retorno, fique tranquila não te esqueceremos.
    Beijo e até breve.

    ResponderExcluir
  15. Minha linda e cheirosa pernambucana!
    Um dia ainda hei de estar aí numa época destas, adoraria ver tudo o que acontece, ouvir estes baiões maravilhosos e comer cada iguaria dessas.
    E viva Luiz Gonzaga e seus 100 anos!
    um grande abraço carioca

    ResponderExcluir
  16. Ana Karla, além de organizar as ideias, ainda tem as férias escolares... criança em casa não combina com blogues! :) A única coisa que reclamo da cidade que agora moro é não ter festas juninas. No final de semana caçamos uma e encontramos uma "Festa da Sardinha". Aqui tudo gira em torno do mar e dá-lhe festas para Iemanjá! Boa semana! Beijus,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Luma, as crianças, e ainda vou aplicar uma oficina de férias por aqui.
      Ai ai ai
      Boa semana pra você também

      Excluir
  17. Olá Ana Karla,
    Essas comidas típicas da ocasião chegam a dar água na boca.
    Já participei ativamente de muitas festas juninas na minha cidade de origem. Bom demais!

    Há momentos que exigem mudança de foco. Não dá para realizar tudo de uma só vez. Aproveite bem seu afastamento e retorne
    quando puder. Estaremos aguardando.

    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. POis é Verinha, preciso focar mais aqui na vida interna, buscar forças e me energizar para acompanhar de todo o bem.
      Obrigada

      Excluir
  18. Quase me matou as fotos das comidas, aí que vontade!
    Pare respire e volte, estamos a espera.
    bjs
    Jussara

    ResponderExcluir
  19. Olá, querida
    O melhor S. João pra mim foi num Missão na Bahia (interior, sertão)... neste último foi pertinho dela... foi ótimo e com direito a pé de moleque caprichado e que tive que bisar... apesar das calorias...
    Que post mais apetitoso!!!
    Seja feliz e abençoada!!!
    Bjs de paz

    ResponderExcluir
  20. Aplaudo vc, Ana Karla, pela sua autenticidade de nos ter mostrado a festa caipira verdadeira, com a culinária genuína e não a mistureba de hoje em dia.A verdadeira, porque o que vemos por aqui nos colégios é festa country, tipicamente americanas, inclusive botas, roupas de peões, quadrilhas e danças típicas de cowboy. Aff! Boas festas e fazes muito bem afastar-se porque morro de vontade,mas ... Beijão!

    ResponderExcluir
  21. Muitas vezes achamos que não temos mais o que fazer, que desistir de tudo é mais fácil,
    que continuar a lutar seria exaustivo, um fardo por vezes insuportável.
    infinitos problemas que atravessam nossa vida quando menos esperamos, nos levam ao desânimo e ao medo,
    à noites em claro o cansaço. Acontece com todo mundo, mas às vezes parece que só acontece conosco.
    Muitas pessoas acreditam que sou muito forte e que tiro tudo de letra mesmo vivenciando experiências difíceis.
    Verdade que sou forte, que luto, que acho forças aonde não existe mais nada.
    Verdade também que não desisto fácil, que sou determinada e que sou teimosa
    Eu fico triste sim, eu choro, eu me desespero, eu me irrito, mas hoje muito menos que antes.
    As dores me ensinaram a respeitar a vida,
    Sei que hoje que a passagem pela Terra é curta.
    E resolvi fazer o melhor uso possível dos meus dias.
    Não me rendo ao pensamento que a vida é só uma sequência de problemas, a vida é também uma sequência de soluções.
    Mas, elas existem e podem demorar, mas vêm.
    Luto muito, mas nada disso seria completo se eu não tivesse fé.
    E se sou forte, é porque sou uma mulher de fé, e minha força vem de Deus.
    Minha tarefa ou minha missão esta quase completa.
    Fico imensamente feliz em ter você fazendo parte da minha vida.
    tudo que mais desejo é ter sempre a sua amizade
    para mim tão preciosa.
    Sempre vou te agradecer pelo carinho e amor
    que recebo de você.
    Hoje vim te deixar um carinhoso beijo
    também matar as saudades.
    Carinhosamente.
    Evanir..

    ResponderExcluir
  22. ana pernambucana, que linda exposição você fez. falou das origem, do povo, da comida que é muito boa. como eu gosto disso. também sou filho de uma pernambucana, minha cabeça nao nega as origens.... e ter origem é isso é ter historia. o que mais gosto da festa é a fogueira.... e as brincadeiras. muito joia. abraços do lado de ca - lamarque

    ResponderExcluir
  23. Aninha.......
    que delícia que é festa junina, eu amoooooooo os quitutes....
    rs
    Ai tudo que é de milho é bom, né.
    deixo um abraço com carinho pra vc.

    ResponderExcluir
  24. E eu, na 6^feira estarei numa aldeia aqui perto, chamada Barão de S. João. para mais uma iniciativa cultural do pessoal de blog lagos...
    e para provar os primeiros figos da época!
    Saudações poéticas!

    ResponderExcluir
  25. Ai Aninha,

    esse seu post me deu uma fome!!!!! huuummmmm.....

    Boa festa para você, fui comer alguma coisa. rsrsrs

    Beijos

    Leila

    ResponderExcluir
  26. Eita nós!

    "Tempo rei
    Ah tempo rei
    Ah tempo rei..."

    Xero flor :)

    ResponderExcluir
  27. Oi Ana Karla,
    também ando nessa de organizar a vida... não sei como é, mas a gente organiza e passado um tempo já tudo desorganizado de novo. Santa paciência!
    O que é preciso é não nos deixarmos desorganizar por dentro.

    Gostei muito do seu post. Conhecia as vossas festas juninas por alto, agora graças ao seu artigo fiqui mais por dentro das tradições. Obrigada.
    Beijinhos.
    Rute

    ResponderExcluir
  28. Oi Ana
    Essa semana mesmo eu estava conversando com meu marido sobre essas festas. Eu nasci no interior e durante um bom tempo, curti muito. Depois que vim pra S.Paulo fui me distanciando e hoje elas passam quase batidas. Mas isso porque eu nunca fui numa dessas que vocês têm aí por aí. Adoraria participar de uma delas, mas nunca me programei para isso. Acho que já na hora. Vamos ver o ano que vem.
    um beijo com carinho

    ResponderExcluir
  29. Ana Karla esse tempo de festas juninas é muito bom. Ótimas comidas, jogos divertidos, só o frio q não é muito bom.
    Obrigada pela visita.
    Respondendo à sua pergunta, as pessoas não voltam a ser animais, pois não retornamos na evolução. E ser humano é uma evolução do ser animal. Seres humanos com aparência de animais é devido a maldade desses seres, que os fazem acreditar q são animais e assumem forma de animais. A mente comanda tudo.
    Tem outras postagens em meu blog que explicam melhor a questão dos animais e seu sofrimento e ainda postarei outros textos a esse respeito. Muita paz!

    ResponderExcluir
  30. Quem não gosta de uma bela pamonha? de minho cozido?... etc...

    São culturas que permanecem viva em nossas memórias.


    Paz e bem!

    www.lleandroaugustto.blogspot.com

    www.eu-e-o-tempo.blogspot.com

    Atenciosamente;

    Leandro Ruiz

    ResponderExcluir
  31. Festa junina é tudo de bom e gostoso...
    Espero a sua volta...
    Paz e bem

    ResponderExcluir
  32. Olá, Ana Karla!

    Ficou linda demais a sua postagem! Quanta gostosura! As festas juninas são incomparáveis no Nordeste. Qual o bom nordestino que não aprecia um arrastapé, uma pamonha, um milho assado? Gonzagão é mesmo um ícone da música brasileira, e em especial, do Nordeste, pois retratou com o seu baião, o povo nordestino, sua cultura, sua grandeza e honradez.

    Grande abraço
    Socorro Melo

    ResponderExcluir